5 Formas de Negócio de Renda Passiva que Você pode começar hoje

//5 Formas de Negócio de Renda Passiva que Você pode começar hoje

5 Formas de Negócio de Renda Passiva que Você pode começar hoje

Você Gostaria de descobrir Formas de se criar renda passiva?

Se houver um modelo de negócio que os empreendedores devem se esforçar para obter sucesso,devem ser aqueles que geram renda passiva.

Por quê? Porque com renda passiva você está literalmente ganhando dinheiro com o mínimo ou nenhum esforço de sua parte(depois de feito um esforço inicial).

Soa como um sonho,certo?

Sim,é bem a vida dos sonhos quando você chega a esse ponto.Mas,obviamente, chegar lá não é fácil. Caso contrário,todos estariam vivendo de suas rendas passivas e viajando pelo mundo!

Então, como você encontra um negócio perfeito que irá gerar renda passiva para você?

Se isso é algo que você estava querendo perguntar, então você está com sorte porque neste breve artigo,você vai aprender 5 das melhores formas de renda passiva que você pode começar hoje!

1) Marketing de afiliados

O marketing de afiliados é frequentemente um dos primeiros métodos que os iniciantes experimentam quando se envolvem pela primeira vez com marketing digital.

formas de renda passiva

A ideia por trás deste modelo de negócio é muito simples e é um método comprovadamente lucrativo.

Você precisa promover os produtos de outras pessoas como afiliado, e assim você receberá uma comissão toda vez que alguém comprar esses produtos através do seu link de afiliado!

Comissões variam muito.Em alguns lugares como hotmart,monetizze,eduzz,zanox,webafiliados,etc você pode receber comissões de 50% ou até 80%!

Se você é um afiliado da Amazon, a comissão máxima que você receberia seria 10%, mas o bom é você receber uma comissão por todos os itens comprados na Amazon (não apenas os que você está promovendo em seu site).

A chave para obter bons rendimentos com o marketing afiliado é enviando bastante tráfego para o seu site.

É basicamente um jogo de números,você precisa procurar onde seu público-alvo está e promover seus produtos afiliados para eles.

Mas Para isso você precisa 1º entender  como funciona o jogo.

E basicamente existem alguns momentos de compra,ou seja, existem aqueles que precisam e já querem comprar o produto,existem aqueles que precisam mas não sabem e ainda aqueles que nem sabem do “problema”.

Imagine o seguinte,uma pessoa obesa pode ser que queira emagrecer como também isso pode nem ser um problema para ela.

É o sentimento,a dor de sua persona(representante da sua audiência) é que vai indicar a forma pelo qual você irá trabalhar o seu conteúdo

Uma grande vantagem do marketing de afiliados é que é relativamente fácil de configurar..

Na verdade, você pode promover produtos em qualquer lugar que desejar – em seu blog, em seus guests posts,em fóruns,em mídias sociais, em seus e-mails e em muitos outros lugares!

Tudo o que você precisa fazer é se inscrever para ser um afiliado de um produto que você gosta e,em seguida, usar esse link especial e promovê-lo.

É isso aí! É claro que nem todas as redes de afiliados e proprietários de produtos aprovarão sua solicitação. A maioria das redes possui padrões em vigor.

A maioria deles vai pedir o endereço do seu site e fazer perguntas sobre onde você planeja promover seus produtos.Se eles não gostarem de suas respostas,você não será aprovado como afiliado.

Na maioria dos casos,os fornecedores de produtos exigem que você tenha pelo menos uma presença on-line sólida antes de aprovar sua solicitação.

Os vendedores de produtos também são enganados, por isso tendem a ser muito cuidadosos quando se trata de aprovar afiliados.

Se você achar difícil conseguir aprovação em uma rede,é melhor estabelecer sua presença online primeiro criando seu próprio site ou blog e deixando-a envelhecer por alguns meses antes de reenviar sua inscrição.

Mas sinceramente seria melhor promover produtos que não exijge nada pelo menos para início.

Quando a sua candidatura é aprovada,e você cria conteúdo valioso em torno do produto afiliado,então você pode obter uma renda passiva de marketing de afiliado enquanto o produto afiliado estiver disponível.

Desde é Claro que seja feito um trabalho duro de forma que você consiga automatizar alguns processos.

2) Vender Cursos Online e InfoProdutos

Se você é um especialista em um assunto específico,e você quer compartilhar seus conhecimentos com o mundo, então você pode querer criar seu próprio curso e produtos de informação.

No entanto,se você não tem conhecimento especializado em nada, não se preocupe.

Não é o fim do mundo.Você ainda pode vender cursos e produtos de informação,mesmo se você não tiver experiência em primeira mão em qualquer assunto!

Você tem duas opções basicamente.

  • Primeiro, você dedica um tempo para aprender o assunto, pesquisá-lo completamente e depois aplicar o que aprendeu ao criar seu curso.
  • A segunda opção é apenas terceirizar a criação de conteúdo para alguém que realmente conhece o assunto.

Há muitas plataformas freelancer para contratação.

Você pode passar por qualquer um deles e colocar um anúncio para um freelancer qualificado para ajudá-lo com seu projeto.

Porém é importante que você seja bem específico e detalhista para que assim você consiga trazer os resultados desejados por você!

O melhor de vender seu próprio curso e produtos de informação é que você pode definir seu próprio preço.

Ao contrário do marketing de afiliados,onde suas comissões são limitadas a uma determinada porcentagem,vender seus próprios produtos permite que você coloque seu próprio preço!

Se você acha que seu curso vale R$ 197,defina esse preço.

Se você acha que R$ 17 é um preço adequado,então, por todos os meios,escolha esse preço.

Para melhores resultados,no entanto,você deve, é claro,fazer sua própria pesquisa para encontrar o melhor preço para o produto que está oferecendo.

Olhe para o que os produtos similares no mesmo nicho custam. Confira quais são os preços de seus concorrentes e vá de lá.

Para impulsionar as vendas,você pode querer considerar a criação de um programa de afiliados para que outras pessoas possam ajudar a promover seu produto.

Se você oferecer a seus afiliados uma boa parte dos lucros,você terá muitos candidatos batendo à sua porta virtual.

Embora você possa pensar que não é uma boa idéia compartilhar seus lucros com outras pessoas,pense nisso como a contratação de vendedores para promover seu produto para você.

Você ainda consegue manter uma certa quantia para cada venda que seus afiliados fazem, e ainda é uma situação ganha-ganha para todos!

3) E- commerce

Provavelmente,as lojas de comércio eletrônico mais populares que você vê são aquelas empresas que promovem seus produtos no Facebook e no Instagram!

Você verá muitas dessas empresas anunciando seus produtos e serviços no seu feed de notícias.

Com E-Commerce, basicamente você pode vender o que quiser.

comercio eletronico

Você pode vender seus próprios produtos e serviços,vender produtos afiliados,fazer dropshipping e muito mais.

Suas opções incluem vender coisas de seu próprio site ou usar uma plataforma de terceiros como o Shopify para simplificar o lado comercial das coisas.

Você pode ter uma loja de tijolo e argamassa,mas também vender seus produtos em seu próprio site, ou até mesmo listá-lo no eBay e Craigslist.

As possibilidades de comércio eletrônico são quase infinita!

Uma grande vantagem do comércio eletrônico é que sua empresa está aberta 24 horas por dia,sete dias por semana,você pode vender para qualquer pessoa no mundo,se assim preferir.

Se você está vendendo produtos físicos, você deve levar em conta os custos de envio e os prazos de entrega para o seu preço.

Mas,para produtos digitais,o comércio eletrônico oferece uma plataforma na qual os fornecedores são pagos instantaneamente e os compradores obtêm acesso à compra em apenas alguns segundos.

As empresas de comércio eletrônico também são muito mais fáceis de dimensionar do que as empresas de tijolo e argamassa.

Com o E-commerce,você pode simplesmente adicionar seus produtos a outra

plataforma ou duplicar seu site atual, e você terá um novo fluxo de receita em mãos.

Embora o E-commerce seja uma ótima fonte de receita online,nem todas as empresas de comércio eletrônico fornecem receita passiva.

Na verdade, para a maioria das lojas,você precisaria de alguém para lidar com os pedidos, enviar produtos (se você não for dropshipping),fornecer suporte ao cliente e muito mais.

No entanto, uma vez que você atinja um certo nível de sucesso,você pode construir uma equipe para trabalhar em sua empresa e gerenciá-la de longe!

Você pode treinar sua equipe para lidar com todos os aspectos do seu negócio – desde o fornecimento de produtos até o atendimento ao cliente – tudo realmente.

Se você cuidar bem dos seus funcionários,eles cuidarão bem do seu negócio. Uma vez que sua equipe pega o jeito do seu negócio,eles funcionam como uma máquina bem lubrificada, proporcionando a você um fluxo de renda passiva sem usar as mãos!

4) Prestadores de serviços

Para este tipo de modelo de negócio,você pode literalmente ganhar renda passiva de qualquer tipo de serviço.

Como? Ao terceirizar o trabalho! Isso significa que você só precisa encontrar clientes, clientes ou compradores e permitir que outra pessoa faça o trabalho para você.

Embora isso possa não parecer um modelo de negócios passivo,me ouça.

Veja este exemplo:

por exemplo, se você tem uma agência que está vendendo serviços de criação ou criação, pode criar um site com seu portfólio e promovê-lo para o mundo. Quando as pessoas compram seus serviços,você aluga o trabalho para um freelancer.

Alternativamente, você pode se inscrever em mercados freelancers, licitar em empregos, e quando você ganha um projeto, você contrata outro freelancer para fazer o trabalho para você a uma taxa muito mais barata.

Você vê as possibilidades? Você pode ter qualquer número de clientes e não se preocupar em não cumprir qualquer um dos trabalhos,porque tudo que você faz é contratar alguém para fazer o trabalho real.

Você simplesmente embolsa a diferença entre o valor que seu cliente lhe paga e a quantia que paga ao seu contratado!

Para garantir que a qualidade do trabalho não seja prejudicada,você precisa examinar cuidadosamente seus freelancers.

prestadores de serviço de freelancers

Isso pode levar tempo.

Embora muitos freelancers, especialmente aqueles baseados no exterior, possam trabalhar com amendoim,a qualidade pode não ser igual.

Você teria que passar por muitos perfis e candidatos antes de encontrar um goleiro. Quando você encontrar um freelancer qualificado cujas taxas você pode pagar (e ainda ganhar alguns lucros), então considere-se no negócio.

Para obter o maior volume de lucros,você terá que ganhar muitos projetos e ter um bom número de freelancers em sua equipe.

Agora, a coisa com freelancers é que eles literalmente têm a liberdade de trabalhar com outros clientes.

Se você quiser reservar blocos do seu tempo, digamos, 40 horas por semana, então você teria que contratá-los como empregados regulares, e não como contratados.

Um conjunto diferente de regras se aplicaria em termos de pagamento e benefícios, mas, na maior parte, o modelo de negócios ainda fornecerá um bom fluxo de renda passiva regular.

5) Criação de Apps ou Softwares Prestador de Serviço

Apps, ou software como serviço,vem ganhando popularidade nos últimos anos. Você basicamente cria um software ou o desenvolve para você, se não for um programador,e vende assinaturas para pessoas.

Há uma abundância de aplicativos hoje em dia que foram criados no modelo Saas.

Exemplos populares incluem o Microsoft Office 365, o Salesforce, o Google Apps, o Dropbox e o Slack,Lead lovers,Omb100.

Para desenvolver um negócio de SaaS,você precisa ter uma ideia boa e lucrativa.

Você basicamente precisa ter um plano de negócios sólido, pois a adoção de um projeto de SaaS será muito dispendiosa.

Se você decidir apenas contratar um desenvolvedor sem ter certeza de que sua ideia vai funcionar,ou se há um mercado para isso,então você pode acabar perdendo milhares de reais em taxas de desenvolvedor!

Se isso é algo que você pode perder, então vá em frente e desenvolva seu software. No entanto, para os empresários mais prudentes,um plano de negócios é obviamente a melhor opção.

Com um plano de negócios,você poderá definir e ver claramente o que faz seu software se destacar de seus concorrentes.

Você poderá validar sua ideia e ver se ela realmente será lucrativa ou não.

Testes serão necessários, então você precisa levar isso em consideração também. Só porque você acha que sua ideia é ótima,não significa que todos vão adorar também!

Depois de encontrar uma ideia vencedora,você precisará encontrar os melhores desenvolvedores que compartilharão sua visão e sua paixão por seu software.

Você também precisa ter uma equipe de marketing para ajudá-lo a comercializar seu produto para o seu público-alvo.

Desenvolver seu próprio Saas(software online prestador de serviço) não é para os fracos de coração e financeiramente desafiados.

Por quê?

Porque você precisa gastar uma quantia considerável de dinheiro antes que seu produto seja lançado!

E assim que for lançado,você precisará gastar ainda mais dinheiro para comercializá-lo na frente das pessoas certas! Então,serão meses,ou mesmo alguns anos, antes de você empatar!

A coisa boa é quando você começa a ver alguns lucros,seu negócio de Saas será praticamente no piloto automático, e você pode esperar para ver a grana escorrendo em sua conta bancária regularmente.

Forte Abraço!

2018-11-25T16:18:06+00:00

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário